Páginas

domingo, 2 de outubro de 2011

A VIDA DA GENTE ...MINHA E SUA!

Não sou super fã de novelas, mas a nova novela das 18:00 da globo me surprieendeu bastante, eu não posso acompanhar a história toda da novela, pq meu trabalho não deixa, mas no dia em q ela estreou eu estava em casa e assisti. Gostei muito da abertura desde as música ate as fotos e videos mostrados pelos protagonistas.

A abertura de A Vida da Gente é um convite para o público fazer uma viagem ao tempo em um clássico da MPB. A pedido da autora Lícia Manzo, fã de carteirinha de Caetano Veloso, "Oração ao tempo" foi regravada especialmente para a novela. Coube à voz suave de Maria Gadú a tarefa de dar a sua versão à canção de 1979.
“Escolhi a canção porque o tempo é um dos personagens principais da novela. É ele que leva a Ana (Fernanda Vasconcellos) embora e depois a traz de volta. É ele que interfere na relação dos quatro personagens principais, ensinando-lhes a conviver e a superar os problemas que surgem”, revela Lícia.

"Escrevo com o coração. Espero que ao assistir A Vida da Gente o público possa dizer: 'Essa é a minha vida"
Lícia Manz


No Primeiro capitulo me vi varias vezes em alguns personagens, é tão bom quando conseguimos nos identificar com uma obra.
A autora conseguiu trazer uma sensibilidade  a trama.
 Vejam o enredo:
Apesar de começar com um triângulo amoroso bastante comum, a trama da nova novela das seis “A Vida da Gente”, já tem uma grande reviravolta prevista em sua sinopse. Ana (Fernanda Vasconcellos) e Manuela (Marjorie Estiano) são irmãs e viveram ao lado de Rodrigo (Rafael Cardoso) por toda a vida desde que ele se tornou uma espécie de irmão postiço após o segundo casamento de seus respectivos pais. Ana vai se apaixonar por Rodrigo, engravidar e esconder esse fato. Após sofrer um grave acidente de carro ela entrará em coma e sua irmã irá se casar com seu amor e ainda vai criar sua filha. Depois de 5 anos, Ana sairá do coma e esse fato irá mexer com os personagens.
Através da simulação de vídeos e fotos “caseiros” das personagens do folhetim em épocas diferentes, a abertura mostra como eles se conheceram e se tornaram uma família “diferente”.  Para tratar tudo de forma mais íntima em consonância com o título da novela, nota-se uma evidente relação com os famosos vídeos de aniversário e casamento, que costumam retratar de forma bastante descontraída e natural os momentos importantes da vida das pessoas.
Para isso, a produção da abertura teve um grande cuidado ao ambientar as cenas nos períodos certos, transportando os espectadores para o passado, seja através dos figurinos e cenários, como também no tratamento dados às imagens que simulam o modo de captação das câmeras antigas.


O conceito de passagem de tempo e o clima nostálgico é reforçado pela trilha “Oração ao Tempo”, de Caetano Veloso e interpretado por Maria Gadu.
Já a assinatura gráfica, há uma referência às famosas anotações (geralmente lembretes) feitas em post-it, remetendo especificamente às lembranças de Ana antes de entrar em coma, antes de sua vida virar do avesso.
Abertura de “A Vida da Gente” é singela, delicada e com uma produção bem feita, mas se mostrou pouco emocionante e envolvente. Pelo menos nesse contexto inicial da trama.








http://www.youtube.com/watch?v=PbGoo1szkVY&NR=1 - link da abertura é linda




 

Nenhum comentário:

Postar um comentário