Páginas

terça-feira, 29 de maio de 2012

Seriados da minha vida

Minha Vida de Cão / Meus 15 Anos
Para inicio, vou falar de MEUS 15 ANOS.
Chamada originalmente de My So-Called Life esta ótima série possui 2 nomes no país: Meus 15 Anos(no SBT) e Minha Vida de Cão (no Multishow) e conta a história de Angela Chase (Claire Danes, ótima no papel) uma garota de 15 anos com todas as duvidas e confusões tipicas da idade. Ao conhecer Rayanne (A.J. Langer) e Rickie (Wilson Cruz) passa por uma mudança de comportamento o que afeta o relacionamento com seus pais Grahan (Tom Irwin) e Patty (Bess Armstrong). Angela tem uma irmã que não se dá bem (Lisa Whiloit) e dois amigos de infancia que se distanciam da garota por conta de suas mudanças (Devon Odessa e Devon Gummershall).
Este show estreiou nos EUA em 1994 com a duração de uma temporada de 19 episódios, sendo cancelado tão cedo devido a baixa audiencia. Mas o tempo fez bem para série e ela se tornou cult por causa da sinceridade com que os roteiristas exploravam as atitudes dos personagens. Tudo muito dark e um pouco depre e melancolico, bem diferente do que rolava na TV americana relacionada aos jovens na epoca. Esse foi um dos motivos do desempenho fraco da audiencia acostumada aos probleminhas sem muita noção da galera de Barrados no Baile.

"Olha como a vida é engraçada, quando eu assistia tinha por volta de 15 tb, e hj trabalho com jovens de 15 anos sobre como as escolhas de vida deles é importante...."


Próxima
Seriado Popularidade
A série mostra o mundo dos adolescentes, um mundo no qual eles aprenderão a perder, decidir, e aprender com os próprios erros. Buscando a sua verdadeira identidade e os seus valores. Kennedy High School é o cenário onde um grupo de adolescentes vai aprender que as regras sociais existem e que devem ser respeitadas. Este é o caso de Brooke McQueen, uma garota extremamente popular, atraente e de boa posição social; e Sam McPherson, dinâmica, boêmia e não muito popular. A falta de simpatia não impede que elas se vejam envolvidas de uma maneira que nunca imaginaram, nem mesmo desejaram, fazendo com que elas passem por situações de conflito, tensão e dor.

"Eu amava a trilha sonora dessa série, e lógico minha personagem favorita era a Sam Mc Pherson, eu ela era propriamente kkkk."

Seguinte....
Blossom
No Brasil está série foi exibida durante quatro anos, quase que diariamente, desde 1997 pelo SBT, alcançando grande sucesso. Em fevereiro de 2001 foi retirada, retornando em maio de 2002, até o mês de agosto quando foi interrompida pela exibição da Propaganda Eleitoral Gratuita, porém pouco mais tarde, neste mesmo ano, voltou a ser exibida no horário das 17:30hs, sendo pouco depois substituído pelo seriado Chaves, essa série narra as aventuras deliciosamente ingênuas, engraçadas e divertidas de Blossom e sua melhor amiga Six, suas famílias, o namorado, seus vizinhos, em situações reais, próprias dos adolescentes.
Blossom é o nome de uma adolescente de 15 anos, inteligente, esperta e muito animada. Mora com o seu pai Nick Russo, um músico que dá um duro para sustentar toda a família; seu irmão mais velho, Joey, que como todo jovem da sua idade, adora garotas, esportes e pra variar não vai muito bem nos estudos e um outro irmão chamado Tony, um ex-drogado e que agora trabalha em uma ambulância.
Sua mãe Madeline, mora em Paris, separou-se de seu pai para tornar-se uma cantora. Também moram na casa Carol, a segunda mulher de seu pai e também sua filha, a pequena Kennedy, que é muito amiga de Frank, o vizinho. Não muito longe dali mora Buzz Richman, o avô de Blossom e de seus irmãos, que freqüentemente faz uma visita, oferecendo ajuda a Nick, que sempre a recusa. Six é a vizinha de Blossom e também sua melhor amiga.

"O episódio que mais me marcou foi o que ela tava fazendo aniversário, pq eu assim como ela tb nunca gostei de aniversário."

Então...
O Quinteto
Antes de arrancar suspiros na pele de Jack em "Lost", Matthew Fox foi responsável por muitas lágrimas adolescentes. Ele era uma das estrelas de "Party of Five", série dramática que mostrava a vida difícil da família Salinger: unidos pela morte trágica dos pais, os cinco irmãos órfãos e sua relação no dia-a-dia eram o mote da série, que teve seis temporadas e foi exibida nos Estados Unidos de setembro de 1994 a maio de 2000.
"Eu chorava muito assistindo"












Confissões de Adolescente 

Essa série é brasileira, a única série que me fazia suspirar nessa época, sendo brasileira

As quatro irmãs Diana, Bárbara, Natália e Carol vivem no famoso bairro de Ipanema, na capital carioca, e têm hábitos característicos de adolescentes, como passear, namorar, ir às compras, estudar e, além de descobrir o corpo, informações sobre sexo, gravidez, amor e crises de identidade. Paulo, o pai solteiro, até tenta ser moderno, mas suas muitas atitudes caretas estão sempre em conflito com as das filhas. As meninas Diana e Bárbara são filhas do primeiro casamento do pai. Carol é do segundo e Natália é meia-irmã de Carol, enteada de Paulo. Com personalidades diferentes, as quatro adolescentes se completam em um elo de amizade, confidências e companheirismo.

"A Débora Secco tava bem novinha kkkk, até hj há muitas representações teatrais desse seriado!!!"

Felicity
Felicity Porter (Keri Russell), uma adolescente que acaba de se formar no colégio resolve ir para a Universidade de New York, após descobrir que Ben Covington (Scott Speedman), seu grande amor, irá estudar lá. Essa decisão irrita seus pais, que não concordam com a idéia de ter sua filha morando sozinha numa cidade grande, mas mesmo assim, Felicity parte para New York na tentativa de ficar com Ben.
Quando chega na cidade, Felicity descobre que Ben não faz idéia do que ela sente por ele, mas isso não a impede de continuar seguindo seu coração. Felicity permanece na Universidade e conhece Julie Emrick (Amy Jo Johnson), que vira sua melhor amiga. Ela também acaba se aproximando de Noel Crane (Scott Foley), o supervisor do andar de seu dormitório.
Felicity divide seu quarto com Meghan (Amanda Foreman), uma gótica maluca, que esconde algo muito sinistro dentro de uma caixa. Ben divide o apartamento com Sean (Greg Grunberg), um inventor com idéias estranhas. E na história surgem Elena (Tangi Miller), uma garota muito esforçada e de forte personalidade, uma das melhores amigas de Felicity, que geralmente consegue o que quer e Javier (Ian Gomez), gerente do Dean & Deluca, lanchonete onde Felicity e Ben passam a trabalhar.
Os episódios normalmente iniciavam com Felicity sentada em seu dormitório ou no apartamento com um gravador, lembrando de eventos para fazer uma fita cassete para enviar para sua amiga Sally Reardon (interpretada por Janeane Garofalo). Isso ocasionalmente fornecia um método para Felicity narrar um episódio inteiro. No final de episódios como este, muitas vezes, é mostrada Felicity ouvindo uma fita enviada por Sally como resposta.

"Eu comecei a gravar em fitas , minhas falas filosoficas apartir desse seriado."

Punk - a levada da breca 
Punky a levada da breca - Punky era a menina adotada por Arthur, uma iniciante no mundo da traquinagem e alegria. Eu queria muito ser a Punky quando era pequena. Odiava aqueles conjuntinhos certinhos que minha mãe me obrigava a usar, eu queria mesmo era vestir umas tiras coloridas por cima de uma calça jeans, ter um quarto com uma cama gigante e cheio de coisas legais nas estantes e um cachorro lindo que fosse meu melhor amigo. Pronto. Nada de meninos, namoradinhos, estudos, complicações, para quê isso, Deus meu? Sem contar que desde essa época eu olhava para as pessoas, o mundo de uma forma geral, a forma como elas falavam, sentavam, sentiam – que eu pensava que só podia ser adotada. Na enquete, Punky teve 11% dos votos. (Aliás, vocês já viram a GATA em que ela se transformou? Joguem no google e vejam. )

Nenhum comentário:

Postar um comentário