Páginas

terça-feira, 26 de junho de 2012

Eu sempre sonhei com o Paraíso. Algo que fosse único e só meu. Na verdade vivo perambulando por esse mundo que as pessoas conhecem, mas vivo mesmo é em outro.
 Sempre fui uma dessas pessoas que se vê meio distante do mundo real. Na maioria das vezes, esse mundo parece tão entediante, que criamos algo para suprir nossa imaginação.
Nunca tive medo de sonhar. Talvez isso me fizesse mais forte quando eu achava que iria desmoronar. As vezes tinha medo de cair simplesmente por não saber como iria me levantar. Mas com o tempo aprendi que quedas são essenciais para que você aprenda a caminhar corretamente.
Pra falar a verdade acho que hoje esse paraíso imaginário, que antes existia apenas em algum lugar perdido em minha mente, existe de verdade. Ele fica lá escondido, e as vezes não tão escondido assim e só aparece nos momentos em que eu realmente me sinto feliz, quer dizer nos tristes também.
Eu fico mais no meu paraíso do que no paraíso da vida real.
Sei lá, as vezes ser diferente dá nisso. Você aprende a ser algo, que talvez pessoas normais jamais imaginariam ser.
Eu criei um paraíso, só meu, que fica entre a linha da cruel realidade e da incrível imaginação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário